Não é de hoje que as sandálias de salto são uma verdadeira paixão feminina. Esse amor pelas tiras e saltos em diferentes cores e formas já é antigo e provavelmente nunca acabará.

Embora, em geral, os saltos sejam a opção mais usada apenas nos finais de semana e em eventos especiais, eles ainda tem um papel muito importante no closet feminino. São eles que trazem elegância instantânea para qualquer look. Basta comparar em casa: coloque a mesma roupa com e sem salto e você verá o impacto da diferença que o salto faz.

Se você é uma das amantes do salto, confira na matéria os modelos mais conhecidos de sandálias, veja como usá-los e ainda confira diversas opções de looks para compor com este tipo de calçado.

1. Sandália de tiras com salto grosso

A sandália de tiras com salto grosso é o modelo ideal para a mulher que gosta de salto, mas que não abre mão do conforto. O salto grosso dá mais sustentação e é mais fácil de andar com ele. Serve tanto para situações do dia a dia como para produções noturnas que exigem mais sofisticação, basta escolher um modelo que se adeque ao seu look.

.salto grosso

2. Sandália com meia pata

A meia pata é provavelmente um dos saltos mais amados pelas mulheres, pois ele proporciona mais conforto mesmo quando o calçado é muito alto, com 10 ou 12cm de salto. A plataforma na parte da frente do calçado diminui o peso que fica apenas no salto, assim a planta do pé fica menos sobrecarregada. As sandálias com este tipo de salto são ideais para ocasiões que exijam produção e conforto para aguentar muitas horas em pé ou dançando, como casamentos e baladas.

.meia pata

3. Anabela

A anabelas tem um salto que acompanha a largura do calçado, o que oferece mais estabilidade e segurança. Na maioria dos casos o salto é de rolha ou material semelhante, o que o torna mais leve e informal. Porém, existem também versões mais sofisticadas com salto coberto com outro material. É ideal para ocasiões despojadas em que você quiser usar salto.

.anabela

4. Sandália gladiadora

A gladiadora é o modelo mais excêntrico de sandália. Cheia de tiras e detalhes que podem ir até o joelho, ela é mais indicada para mulheres de personalidade forte que gostam de ousar nos looks. Os modelos de cano alto devem ser usados com roupas mais curtas, enquanto as que vão até o tornozelo podem ser usadas até mesmo com calças.

.gladiadora

5. Sandália abotinada

A sandália abotinada, também conhecida como open boot, é parecida com uma ankle boot, só que é aberta, com vazados ou tiras que a deixam mais fresquinha para usar no verão. Por acomodarem o pé inteiro dentro dela, podem ser um pouco mais fáceis de usar para quem ainda não está acostumado a andar de salto. Por serem fechadas, merecem produções com saia, vestido ou short que não seja longo. Combinam muito com ocasiões como baladas e festas à noite.

.abotinado

6. Espadrilhas

As espadrilhas ou espadrilles são muito parecidas com as sandálias Anabela, porém seu salto é, em geral, coberto de cordas e seu estilo é mais despojado. São ideais para dias de verão e passeios informais, como ir ao parque ou ao shopping. O salto é confortável, o que dá ao calçado ainda mais usabilidade.

.espadrille

 

Latest

Sandália de salto alto: Como usar

Não é de hoje que as sandálias de salto são uma verdadeira paixão feminina. Esse amor pelas tiras e saltos em diferentes cores e formas já é antigo e provavelmente nunca acabará.

Embora, em geral, os saltos sejam a opção mais usada apenas nos finais de semana e em eventos especiais, eles ainda tem um papel muito importante no closet feminino. São eles que trazem elegância instantânea para qualquer look. Basta comparar em casa: coloque a mesma roupa com e sem salto e você verá o impacto da diferença que o salto faz.

Se você é uma das amantes do salto, confira na matéria os modelos mais conhecidos de sandálias, veja como usá-los e ainda confira diversas opções de looks para compor com este tipo de calçado.

1. Sandália de tiras com salto grosso

A sandália de tiras com salto grosso é o modelo ideal para a mulher que gosta de salto, mas que não abre mão do conforto. O salto grosso dá mais sustentação e é mais fácil de andar com ele. Serve tanto para situações do dia a dia como para produções noturnas que exigem mais sofisticação, basta escolher um modelo que se adeque ao seu look.

.salto grosso

2. Sandália com meia pata

A meia pata é provavelmente um dos saltos mais amados pelas mulheres, pois ele proporciona mais conforto mesmo quando o calçado é muito alto, com 10 ou 12cm de salto. A plataforma na parte da frente do calçado diminui o peso que fica apenas no salto, assim a planta do pé fica menos sobrecarregada. As sandálias com este tipo de salto são ideais para ocasiões que exijam produção e conforto para aguentar muitas horas em pé ou dançando, como casamentos e baladas.

.meia pata

3. Anabela

A anabelas tem um salto que acompanha a largura do calçado, o que oferece mais estabilidade e segurança. Na maioria dos casos o salto é de rolha ou material semelhante, o que o torna mais leve e informal. Porém, existem também versões mais sofisticadas com salto coberto com outro material. É ideal para ocasiões despojadas em que você quiser usar salto.

.anabela

4. Sandália gladiadora

A gladiadora é o modelo mais excêntrico de sandália. Cheia de tiras e detalhes que podem ir até o joelho, ela é mais indicada para mulheres de personalidade forte que gostam de ousar nos looks. Os modelos de cano alto devem ser usados com roupas mais curtas, enquanto as que vão até o tornozelo podem ser usadas até mesmo com calças.

.gladiadora

5. Sandália abotinada

A sandália abotinada, também conhecida como open boot, é parecida com uma ankle boot, só que é aberta, com vazados ou tiras que a deixam mais fresquinha para usar no verão. Por acomodarem o pé inteiro dentro dela, podem ser um pouco mais fáceis de usar para quem ainda não está acostumado a andar de salto. Por serem fechadas, merecem produções com saia, vestido ou short que não seja longo. Combinam muito com ocasiões como baladas e festas à noite.

.abotinado

6. Espadrilhas

As espadrilhas ou espadrilles são muito parecidas com as sandálias Anabela, porém seu salto é, em geral, coberto de cordas e seu estilo é mais despojado. São ideais para dias de verão e passeios informais, como ir ao parque ou ao shopping. O salto é confortável, o que dá ao calçado ainda mais usabilidade.

.espadrille

 

Read More

6 dicas e cuidados ao andar de salto alto

Confira algumas dicas, para você que está começando a andar de salto ou que deseja saber mais sobre tudo que envolve estar em cima de um salto alto:

  1. O primeiro passo para começar e acostumar é treinar em casa. Experimente andar com o salto em casa e também tente andar um pouco na pontinha dos pés descalça olhando para frente para treinar o equilíbrio.
  2. Comece a usar saltos com modelos mais baixos, como os de 5cm e aumente conforme ganhar habilidade e confiança.
  3. Para facilitar o andar com salto alto, opte por saltos mais grossos e por sandálias que tenham tiras que deixem o calçado firme no seu pé de forma confortável.
  4. Dê passos curtos, sem pressa, e sempre firme primeiro o salto e depois a ponta do pé no chão. Use o seu corpo para manter o equilíbrio – não fique dura.
  5. Alterne os dias em que usa o salto alto. Evite usá-los todos os dias, pois você pode acabar machucando seus pés e sua coluna. Dê um descanso de ao menos um dia. Se possível, use só no fim de semana.
  6. Use almofadinhas, adesivos e qualquer acessório que for necessário para manter o conforto no pé e não se machucar. Apostar em um apoio para a planta do pé é um recurso para sofrer menos ao usar sandálias sem meia pata.

sandalias-2

Read More

COMO ACABAR COM AS PONTAS DUPLAS

O nosso cabelo possui várias camadas e a mais superficial delas é a cutícula. Semelhante a escamas, as cutículas dos fios são compostas por várias camadas sobrepostas que protegem as estruturas mais internas dos danos do dia a dia. Por isso são necessários alguns cuidados para ter um cabelo lindo e saudável.

post

 

  1. Fazer hidratações periódicas. As hidratações repõem os nutrientes perdidos pelos cabelos e recarregam suas fontes de água, importantes para manutenção da leveza e essencial para o combate à secura e propensão à quebra.
  2. Cauterização. Esse procedimento é extremamente eficaz, uma vez que age deste as camadas mais profundas até as mais superficiais. Além de potencializar a elasticidade dos fios, a cauterização auxilia no selamento das escamas, o que pode disfarçar as possíveis pontas duplas e prevenir o aparecimento de novas.
    A selagem térmica, como também é conhecido o procedimento, pode ser realizada no salão ou em casa, basta adquirir os produtos necessários (shampoo antirresíduos, creme para hidratação e queratina) e seguir as suas orientações.
  3. Sempre utilizar o protetor térmico. O secador e a chapinha são grandes vilões dos fios e uma forma de prevenir os seus danos é utilizando sempre um protetor térmico.
  4. Adote óleos reconstrutores e hidratantes.Ele ajudar a recuperar a fibra capilar e evitar que a cutícula do fio se enfraqueça e rompa.
  5. Se possível, evitar manter os cabelos presos por muito tempo, em especial quando os fios estão molhados.
  6. Lavar os cabelos com água morna ou de preferência fria. A água quente propicia o ressecamento dos cabelos e consequentemente as pontas duplas.
  7. Cuidado ao pentear. Quando a escovação dos cabelos é muito forte isso pode ocasionar a quebra dos fios e prejudicar e mudar a direção natural das escamas das cutículas.

 

Agora, é só investir nas dicas e conferir os resultados.

Read More

MAQUIAGEM COM GLITTER

Já faz tempo que o glitter na maquiagem deixou de ser exclusivo do carnaval e virou item básico de quem curte boas festas. Mas não basta se jogar na purpurina para o visual ficar bacana. Para saber como usar o brilho de modo sofisticado, confira algumas dicas:

Uma das coisas fundamentais para quem quer fazer uma bela maquiagem com glitter é ter paciência e seguir todas as etapas. Prefira fazer os olhos antes da pele, pois a quantidade de resíduos que caem durante o processo é considerável.

Antes de começar a produção, é importante saber que glitter não é tudo igual. “Para mulheres, o ideal é uma sombra com partículas brilhantes”, pois o glitter solto deixa um ar infantil”.

A cor do brilho também influencia no resultado final: “tons mais sóbrios, como vinhos, azuis escuros e rosas-chá ficam mais refinados que cores berrantes e holográficas”. Agora é só testar em casa e arrasar na balada!cats

Read More

SANDÁLIA GLADIADORA: ESTÃO DE VOLTA

No último verão, se teve uma sandália da nossa coleção que fez sucesso foi a gladiadora, tanto que ela está de volta para a primavera-verão 2015!

Existem vários tipos de sandálias gladiadoras, mas hoje nosso post de hoje é sobre as gladiadoras sem salto. As rasteiras desse modelo se destacaram nas passarelas, e além de tudo são perfeitas para looks casuais do dia a dia. Elas são tudo de bom, porque são confortáveis sem deixar o estilo de lado.

Quer andar linda, fashion e com conforto pelas ruas nesse verão? Vem ver nossas dicas para arrasar de gladiadora estilo flat!

DSCF4752

 

Esse tipo de sandália deve ser usado principalmente por quem tem pernas finas, porque a quantidade de tiras dá a sensação de pernas mais grossinhas.

Para as baixinhas, o segredo é usar a sandália gladiadora em tons de nude ou cor da pele, para alongar as pernas.

As roupas escolhidas para usar com a sandália gladiadora não devem chamar tanto a atenção. Uma rasteira gladiadora deixa qualquer look básico super produzido. Por isso, combine com looks básicos para ficar simplesmente LINDA.

GLADIADORA

Read More